Resolver Questões Estude resolvendo o conjunto de questões

PORTUGUÊS
Questão 128943
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Como eu era protestante, não pulei Carnaval durante a minha infância,

nas décadas de 1950 e 1960. No entanto, eu e meu pai cantávamos

muitas das marchinhas que ouvíamos no rádio, numa época em que a TV

ainda não existia. Uma de que eu gosto muito diz assim: “Iaiá, cadê o

jarro? O jarro que eu plantei a flor. Eu vou te contar um caso: eu quebrei o

jarro e matei a flor”. Hoje já não há marchinhas tão interessantes, quase

não sinto beleza nelas. Mas gosto muito dos sambas-enredo, verdadeiras

epopeias.”


Considerando a regência e a estruturação das sentenças, a alternativa em que as duas construções estão

corretas é

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/MosmGRYoEGpyjuYb9HLoQ1AGs6Gdj+lc=
Questão 122149
CESPE 2017 PJC Elementos Referenciais, Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Segundo o parágrafo único do art. 1.º da Constituição da República Federativa do Brasil, “Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição.” Em virtude desse comando, afirma-se que o poder dos juízes emana do povo e em seu nome é exercido. A forma de sua investidura é legitimada pela compatibilidade com as regras do Estado de direito e eles são, assim, autênticos agentes do poder popular, que o Estado polariza e exerce. Na Itália, isso é constantemente lembrado, porque toda sentença é dedicada (intestata) ao povo italiano, em nome do qual é pronunciada.

Cândido Rangel Dinamarco. A instrumentalidade do processo. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1987, p. 195 (com adaptações).

No texto, o termo “isso” (“Na Itália, isso é constantemente lembrado”) retoma as ideias anteriormente expostas, especialmente a ideia de que





Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18lyaaPPbpm68XQKKZF9cGbGZrjs9MB3Zc=
Questão 170314
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

O Poder Legislativo do estado de Goiás O Legislativo e a sociedade Desde a proclamação da República, em

1889, o Poder Legislativo, entre os poderes constituídos, é o que melhor reflete os diferentes momentos da

política brasileira. Está presente no dia a dia das pessoas porque é o responsável pela elaboração e discussão

das leis que regem o país, o estado e o município.


O Legislativo também é responsável pela apreciação da maioria dos atos do Poder Executivo. Isso significa que

passam pelos Parlamentos das diferentes esferas quase todas as iniciativas tomadas pelo presidente da

República, pelo governador do estado ou pelo prefeito municipal, cabendo a senadores, deputados federais e

estaduais, além de vereadores, a aprovação ou não das questões em discussão.


O Poder Legislativo é o meio do cidadão, a partir de seus representantes eleitos pelo voto direto, participar e

intervir nos assuntos públicos, mas a história mostra que nem sempre foi assim.


Os conselhos gerais


A primeira Constituição Brasileira, de 1824, instituiu nas províncias do Império os

Conselhos Gerais. Era uma forma de garantir aos cidadãos o direito de intervir nos

negócios de sua província. Entretanto, segundo os historiadores, esses Conselhos

Gerais não constituíam um poder autônomo e independente.


As Assembleias Legislativas Provinciais nasceram na primeira reforma constitucional

brasileira, consubstanciada na Lei n° 12, de agosto de 1832, mais conhecida por Ato

Adicional. Elas funcionaram durante todo o período conhecido como Primeira

República.


No último parágrafo, no fragmento “reforma constitucional brasileira,

consubstanciada na Lei n° 12, de agosto de 1832, mais conhecida por Ato

Adicional.”, o sentido da palavra sublinhada pode ser expresso corretamente por

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/HnutmxKluXHkHrVJZhcureWj58QOVBhs=
Questão 170341
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Salas de aula transformando o sertanejo


1º Ao longo de anos, o sertão do Rio Grande do Norte foi subjugado às intempéries da seca que expulsou milhares de

sertanejos de suas origens em busca de água e sobrevivência. Numa revolução inimaginável para a maioria dos moradores das

terras mais áridas do estado, cujas precipitações médias anuais são inferiores a 800 milímetros, a educação se tornou o meio de

transformação social, cultural e econômica. Hoje, por entre os cactos que povoam a caatinga, surgem institutos federais,

faculdades, universidades e a primeira Escola Multicampi de Ciências Médicas do Brasil. Em uma década, o número de

instituições de ensino superior no estado cresceu 33,3% e expandiu o número de vagas em 125,38%. O sertão do flagelo da

seca se transformou no chão das oportunidades e do resgate de sonhos.


2º “Não existia perspectiva. Meu pai era analfabeto. Eu cresci estudando em escola pública e numa família carente”, relembra

Anderson Fernandes, 26 anos, formado em Odontologia pela Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN-Campus

Caicó). Nascido numa família que enfrentou inúmeras dificuldades ao longo dos anos, a falta de perspectiva de mudança não

fez o estudante esmorecer, como se diz em Caicó. Formado há dois anos, hoje servidor público e aluno do Curso de Mestrado

em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Fernandes é apenas um exemplo dos milhares de

jovens do interior do estado que se beneficiaram com o processo de interiorização da educação superior. De 2006 a 2016, o

número de instituições de ensino desse perfil saiu das 21 para 28, entre públicas e privadas, conforme dados mais recentes do

Censo da Educação Superior do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).


3º A UERN, na qual Anderson Fernandes se formou, abriu os cursos de Odontologia e

Enfermagem, em Caicó, em 2006. “A UERN tem papel crucial na interiorização do ensino

superior. Ela foi pioneira na instalação de cursos da área da Saúde no Seridó”, destaca Álvaro

Lima, diretor do Campus da UERN em Caicó. Desde então, os alunos que antes migravam

para outras cidades potiguares ou até mesmo para a Paraíba passaram a permanecer em

Caicó.


4º Na mesma década, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, o IFRN, multiplicou por

10,5 o número de unidades instaladas no estado. Em 2006, eram apenas duas – uma em Natal e outra em Mossoró. Hoje, 21

institutos oportunizam a entrada de milhares de alunos no ensino médio, no técnico, na graduação e na pós-graduação.


5º No âmbito da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), o processo de interiorização do ensino superior remonta

à década de 1970, com a abertura dos cursos de Letras, Administração, Estudos Sociais, Pedagogia, História e Engenharia de

Minas em Caicó. Naquela época, os cursos eram ministrados num prédio cedido pela Diocese de Caicó. Anos depois, com a

inauguração do Centro de Ensino Superior do Seridó (CERES), com três blocos de aulas num terreno de 10 hectares, ocorreu a

ampliação do número de graduações e de professores e a expansão das atividades para a cidade vizinha, Currais Novos.


6º No Oeste do Rio Grande do Norte, a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA) iniciou um processo de expansão

com a transformação em universidade federal em 2005. Antes, funcionava como Escola Superior de Agricultura de Mossoró

(ESAM). Desde então, criou novos cursos e abriu três campi avançados em Angicos, Caraúbas e Pau dos Ferros. Na

atualidade, a UFERSA oferece 22 cursos de graduação e 24 de pós-graduação. A comunidade estudantil é de 10.345 alunos

somente nos cursos presenciais. “A interiorização do ensino superior pode ser considerada o maior programa de inclusão do

Governo Federal, na medida em que tem levado pesquisa, ensino e desenvolvimento a locais que antes estavam longe de

grandes centros universitários. A UFERSA é um profícuo exemplo disso”, declara o reitor José de Arimatea de Matos.


7º Expandir a interiorização do Ensino Superior, principalmente nos cursos da área da Saúde, deve

ser uma meta prioritária da UFRN. Um dos objetivos da Escola Multicampi de Ciências Médicas é ter,

em seu quadro, 86 docentes. Para isso, alguns desafios deverão ser vencidos. Um deles é o

financeiro. Em comum, a UERN, a UFERSA e a UFRN sofrem com a falta de recursos. O custeio

para o Curso de Medicina de Caicó, por exemplo, foi zerado em 2018. Por ano, de acordo com

George Dantas de Azevedo, a UFRN repassa R$ 1,3 milhão para pagamento de despesas básicas. O

desafio deste ano será financiar o internato dos estudantes da primeira turma, iniciada em 2014, que

migrarão para a prática acadêmica no Hospital Universitário Ana Bezerra, em Santa Cruz. Na UERN,

o orçamento aprovado para este ano é R$ 71 milhões menor que o previsto para 2017.


“Não existia perspectiva[1]. Meu pai era analfabeto. Eu cresci estudando em escola pública e numa família carente”,

relembra[2] Anderson Fernandes, 26 anos, formado em Odontologia pela Universidade Estadual do Rio Grande do Norte

(UERN -Campus Caicó). Nascido numa família que enfrentou inúmeras dificuldades ao longo dos anos, a falta de perspectiva

de mudança não fez o estudante esmorecer, como[3] se diz em Caicó. Formado há dois anos, hoje servidor público e aluno

do Curso de Mestrado em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Fernandes é apenas um

exemplo dos milhares de jovens do interior do estado que se beneficiaram com o processo de interiorização da educação

superior. De 2006 a 2016, o número de instituições de ensino desse perfil saiu das 21 para 28, entre públicas e privadas,

conforme dados mais recentes do Censo da Educação Superior do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais

Anísio Teixeira (Inep).


Na oração em que surge, o elemento linguístico [1] funciona como

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/uyPwLWKhSdeQ19DhSjrf6XgQJISpwEh8=
Questão 128944
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Como eu era protestante, não pulei Carnaval durante a minha infância,

nas décadas de 1950 e 1960. No entanto, eu e meu pai cantávamos

muitas das marchinhas que ouvíamos no rádio, numa época em que a TV

ainda não existia. Uma de que eu gosto muito diz assim: “Iaiá, cadê o

jarro? O jarro que eu plantei a flor. Eu vou te contar um caso: eu quebrei o

jarro e matei a flor”. Hoje já não há marchinhas tão interessantes, quase

não sinto beleza nelas. Mas gosto muito dos sambas-enredo, verdadeiras

epopeias.”


Quanto ao emprego das formas verbais destacadas, está correta a seguinte observação:

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+VF44Khsy3xJJ20UqMbeunDRD3Phzy+nI=
Questão 122193
CESPE 2017 TRE Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais


Pode-se dizer que a cidadania é essencialmente consciência de direitos e deveres e exercício da democracia: direitos civis, como segurança e locomoção; direitos sociais, como trabalho, salário justo, saúde, educação, habitação etc.; direitos políticos, como liberdade de expressão, de voto, de participação em partidos políticos e sindicatos etc. Não há cidadania sem democracia. O conceito de cidadania, contudo, é um conceito ambíguo. Em 1789, a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão estabelecia as primeiras normas para assegurar a liberdade individual e a propriedade. Nascia a cidadania como uma conquista liberal. Hoje, o conceito de cidadania é mais complexo. Com a ampliação dos direitos, nasceu também uma concepção mais ampla de cidadania. De um lado, existe uma concepção consumerista de cidadania (direito de defesa do consumidor) e, de outro, uma concepção plena, que se manifesta na mobilização da sociedade para a conquista de novos direitos e na participação direta da população na gestão da vida pública, por meio, por exemplo, da discussão democrática do orçamento. Esta tem sido uma prática, sobretudo no nível do poder local, que tem ajudado na construção de uma democracia participativa, superando os limites da democracia puramente representativa.

Moacir Gadotti. Escola cidadã – educação para e pela cidadania. Internet: (com adaptações).

De acordo com as ideias do texto,

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/Dh3C/J/Pd5v7Io0h+jM7Z0gMdy/BhWOg=
Questão 128978
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Peças de barro de 4.000 a.C. encontradas na Mesopotâmia são os documentos escritos mais antigos que conhecemos. E o

mais antigo desses documentos faz referência aos impostos. Naquela época, além de entregar parte dos alimentos que

produziam ao governo, os sumérios, um dos povos que viviam por ali, eram obrigados a passar até cinco meses por ano

trabalhando para o rei.


Os mais sortudos eram empregados para realizar a colheita ou para retirar lama dos canais da cidade. Os menos

afortunados entravam para o exército, com grandes chances de morrer em uma guerra. Quem era rico escapava: mandava

escravos para fazer o serviço sujo. Assim que surgiu a moeda, surgiu também a ideia de substituir a contribuição braçal por

dinheiro.


Era assim também no antigo Egito. As evidências indicam que, em 3.000 a.C., os faraós coletavam impostos em dinheiro ou

em serviços pelo menos uma vez por ano. Ninguém era tão temido quanto os escribas, responsáveis por determinar a dívida

de cada um. O controle era tão rigoroso que fiscalizavam até o consumo de óleo de cozinha nas residências, já que essa era

uma substância tributada. Os impostos eram mais altos para estrangeiros, e especula-se que foi para pagar dívidas

tributárias que os hebreus, por exemplo, acabaram como escravos.


O Império Romano aperfeiçoou a técnica de impor tributos a estrangeiros. Em economias

pré-industriais, a terra e o trabalho são os principais ingredientes da riqueza. Por isso, a

conquista de outras terras e de povos dava aos romanos acesso a mais riqueza, o que, por sua

vez, permitia que conquistassem e controlassem um território ainda maior.


O censo, usado até hoje em muitos países, foi criado pelos romanos para decidir quanto

deveriam cobrar de cada província. Os cálculos eram feitos com base no número de

pessoas. Até hoje, a capacidade de cobrar impostos é diretamente proporcional à quantidade e

à qualidade de informações disponíveis sobre os contribuintes.


Cada uma das opções a seguir apresenta uma proposta de reescrita para o trecho “Os mais sortudos eram

empregados para realizar a colheita ou para retirar lama dos canais da cidade. Os menos afortunados entravam para o

exército, com grandes chances de morrer em uma guerra.”. Assinale a opção em que a proposta mantém a correção

gramatical e os sentidos originais do texto.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX194yxlgJru7hN9CfdQgdLTvMWgFA7u0690=
Questão 170318
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Um pouco de história


O bicameralismo é a divisão do Poder Legislativo federal em duas casas. Sua origem moderna remonta à Inglaterra do século

14 que desenvolveu um Parlamento dividido em um sistema bicameral: a House of Lords (Casa dos Lordes) – que representava

os interesses da alta aristocracia – e a House of Commons (Casa dos Comuns), ligada às demandas das demais classes como

os cavaleiros e a burguesia. Esse modelo foi considerado bastante estável e eficiente devido ao poder das instituições inglesas.


Na atualidade, o bicameralismo se estende a 61 países, mas é adotado com um entendimento diferente do passado. Hoje, as

duas Casas legislativas coexistem porque abrigam dois tipos de representação: uma relativa ao número da população e outra à

representação dos territórios federados.


O bicameralismo no Brasil


O Brasil possui um sistema bicameral desde a época do Império. No entanto, é na Constituição Federal de 1988 que está

regulamentado o bicameralismo que conhecemos hoje. O Congresso Nacional é o órgão constitucional que exerce as funções

legislativas no País. Ele se divide em duas Casas: a Câmara dos Deputados e o Senado Federal, cada um com suas funções

específicas. Os arts. 45 e 46 da CF dividem as atribuições políticas de cada Casa Legislativa.


A Câmara dos Deputados tem a função de representar os interesses da população. Ela é

composta atualmente por 513 deputados federais de todos os estados, eleitos pelo sistema

proporcional, com mandato de quatro anos. O número de parlamentares eleitos em cada estado

varia de acordo com o tamanho da sua população: Roraima, o menos populoso do Brasil, é um

dos estados que tem direito a eleger oito deputados (o número mínimo permitido pela

Constituição); já São Paulo, por sua vez, tem a maior população do país e por isso elege 70

deputados (o número máximo).


O Senado Federal tem a competência de representar as demandas das unidades federativas do

Brasil. Para que nenhum estado se sobreponha ao outro, todos eles elegem três senadores pelo

sistema majoritário, para mandatos de oito anos, com renovação de 1/3 ou 2/3 em cada eleição.

Diante disso, a Casa é composta por 81 senadores ou senadoras.


Em “Para que nenhum estado se sobreponha ao outro, todos eles elegem três senadores pelo

sistema majoritário, para mandatos de oito anos, com renovação de 1∕3 e 2∕3 em cada eleição.”,

justifica-se o emprego de vírgula obrigatória em todas as ocorrências

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1967ukIGt85UZfxyJUQCX4ufVvaH96p0LU=
Questão 128958
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Imigrações no Rio Grande do Sul


Em 1740 chegou à região do atual Rio Grande do Sul o primeiro grupo organizado de povoadores. Portugueses oriundos

da ilha dos Açores, contavam com o apoio oficial do governo, que pretendia que se instalassem na vasta área onde

anteriormente estavam situadas as Missões.


A partir da década de vinte do século XIX, o governo brasileiro resolveu estimular a vinda de imigrantes europeus, para

formar uma camada social de homens livres que tivessem habilitação profissional e pudessem oferecer ao país os

produtos que até então tinham que ser importados, ou que eram produzidos em escala mínima. Os primeiros imigrantes

que chegaram foram os alemães, em 1824. Eles foram assentados em glebas de terra situadas nas proximidades da

capital gaúcha. E, em pouco tempo, começaram a mudar o perfil da economia do atual estado.


Primeiramente, introduziram o artesanato em uma escala que, até então, nunca fora

praticada. Depois, estabeleceram laços comerciais com seus países de origem, que

terminaram por beneficiar o Rio Grande. Pela primeira vez havia, no país, uma região em

que predominavam os homens livres, que viviam de seu trabalho, e não da exploração do

trabalho alheio.


As levas de imigrantes se sucederam, e aos poucos transformaram o perfil do Rio Grande.

Trouxeram a agricultura de pequena propriedade e o artesanato. Através dessas atividades,

consolidaram um mercado interno e desenvolveram a camada média da população. E,

embora o poder político ainda fosse detido pelos grandes senhores das estâncias e

charqueadas, o poder econômico dos imigrantes foi, aos poucos, se consolidando.


Atentando para aspectos de construção sintática do texto, observa-se que

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19Jigb/jkUk63PcKbo35Yh2miRvrf2iv0E=
Questão 128948
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

A chave do tamanho


O antes de nascer e o depois de morrer: duas eternidades no espaço infinito circunscrevem o nosso breve espasmo de

vida. A imensidão do universo visível com suas centenas de bilhões de estrelas costuma provocar um misto de assombro,

reverência e opressão nas pessoas. “O silêncio eterno desses espaços infinitos me abate de terror”, afligia-se o pensador

francês Pascal. Mas será esse necessariamente o caso?


O filósofo e economista inglês Frank Ramsey responde à questão com lucidez e bom humor: “Discordo de alguns amigos

que atribuem grande importância ao tamanho físico do universo. Não me sinto absolutamente humilde diante da

vastidão do espaço. As estrelas podem ser grandes, mas não pensam nem amam – qualidades que impressionam bem

mais do que o tamanho. Não acho vantajoso pesar quase cento e vinte quilos”.


Com o tempo não é diferente. E se vivêssemos, cada um de nós, não apenas um punhado

de décadas, mas centenas de milhares ou milhões de anos? O valor da vida e o enigma da

existência renderiam, por conta disso, os seus segredos? E se nos fosse concedida a

imortalidade, isso teria o dom de aplacar de uma vez por todas o nosso desamparo cósmico

e as nossas inquietações? Não creio. Mas o enfado, para muitos, seria difícil de suportar.


As ideias de Pascal e as de Frank Ramsey referidas no texto

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/uBpuOEoXgfonilBh0Kc8hTfwYEpCIkc4=
Questão 122198
CESPE 2017 TRE Sintaxe da Oração (Análise Sintática)

Em sua definição, o voto em branco é aquele que não se dirige a nenhum candidato entre os que disputam as eleições. São considerados, portanto, votos estéreis, porque não produzem frutos. Os votos nulos, por sua vez, são aqueles que, somados aos votos em branco, compõem a categoria dos votos estéreis, inválidos ou, como denominou o Tribunal  Superior Eleitoral, votos apolíticos. Logo, os votos em branco e os nulos são votos que, a princípio, não produzem resultado nem influenciam no resultado do pleito.

Ao comparecer às urnas no dia das eleições, o eleitor que apresentar voto em branco ou nulo pode fazê-lo por diversas razões. Esses motivos podem embasar tanto a postura dos que votam em branco quanto a dos que votam nulo, pois o resultado final é o mesmo: invalidar o voto. Assim sendo, não é razoável diferenciar o voto em branco do voto nulo. Deve-se considerar a essência do ato, a sua real motivação, que é a invalidação. É evidente que não se sabe, ao certo, a razão que motiva cada eleitor a votar em branco ou nulo; entretanto, em ambos os casos, não há dúvida quanto à invalidade do voto por ele dado.

Renata Dias. Os votos brancos e nulos no estado democrático de direito: a legitimidade das eleições majoritárias no Brasil. In: Estudos eleitorais, v. 8, n.º 1, jan./abr. 2013, p. 36-8 (com adaptações).


Assinale a opção que apresenta termo que desempenha a mesma função sintática que “a razão” no texto. (“É evidente que não se sabe, ao certo, a razão...”)

A “o mesmo” – “o resultado final é o mesmo”  

B “votos estéreis” – “São considerados, portanto, votos estéreis”

C “o Tribunal Superior Eleitoral” – “como denominou o Tribunal  Superior Eleitoral”

D “dúvida” – “não há dúvida quanto à invalidade do voto por ele dado.”

E “resultado” – “os votos em branco e os nulos são votos que não produzem resultado”

Frase original – a  razão = sujeito (Que é que não se sabe? A razão)

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18luD7yJkYom+S/zvFl7bkAWWgPiDUEQ/k=
Questão 122153
CESPE 2017 PJC Classes de Palavras (Morfologia) / Flexão Nominal e Verbal, Concordância Nominal e Verbal, Confronto e Reconhecimento de Frases Corretas e Incorretas, Crase, Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

A injustiça, Senhores, desanima o trabalho, a honestidade, o bem; cresta em flor os espíritos dos moços, semeia no coração das gerações que vêm nascendo a semente da podridão, habitua os homens a não acreditar senão na estrela, na fortuna, no acaso, na loteria da sorte; promove a desonestidade, a venalidade, a relaxação; insufla a cortesania, a baixeza, sob todas as suas formas. De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto. E, nessa destruição geral das nossas instituições, a maior de todas as ruínas, Senhores, é a ruína da justiça, corroborada pela ação dos homens públicos. E, nesse esboroamento da justiça, a mais grave de todas as ruínas é a falta de penalidade aos criminosos confessos, é a falta de punição quando ocorre um crime de autoria incontroversa, mas ninguém tem coragem de apontá-la à opinião pública, de modo que a justiça possa exercer a sua ação saneadora e benfazeja.

Rui Barbosa. Obras completas de Rui Barbosa. Vol. XLI. 1914. Internet: (com adaptações).


 A correção gramatical do texto seria mantida caso 3450 / 3453 / 3473 / 3455

I o termo “sob” (“promove a desonestidade, a venalidade, a relaxação; insufla a cortesania, a baixeza, sob todas as suas formas.”) fosse substituído por em.

II a forma verbal “ver”, em todas as suas ocorrências, fosse flexionada no plural — verem.

“De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.”

III a forma verbal “é” fosse suprimida. “E, nesse esboroamento da justiça, a mais grave de todas as ruínas é a falta de penalidade aos criminosos confessos, é a falta de punição quando ocorre um crime de autoria incontroversa...”

IV o acento indicativo de crase em “à opinião pública” fosse suprimido. “mas ninguém tem coragem de apontá-la à opinião pública, de modo que a justiça possa exercer a sua ação saneadora e benfazeja.”


Estão certos apenas os itens


Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX198JltyUVBJ1QqpiaO3NM8nztuIKfQ59DY=
Questão 128956
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Imigrações no Rio Grande do Sul


Em 1740 chegou à região do atual Rio Grande do Sul o primeiro grupo organizado de povoadores. Portugueses oriundos

da ilha dos Açores, contavam com o apoio oficial do governo, que pretendia que se instalassem na vasta área onde

anteriormente estavam situadas as Missões.


A partir da década de vinte do século XIX, o governo brasileiro resolveu estimular a vinda de imigrantes europeus, para

formar uma camada social de homens livres que tivessem habilitação profissional e pudessem oferecer ao país os

produtos que até então tinham que ser importados, ou que eram produzidos em escala mínima. Os primeiros imigrantes

que chegaram foram os alemães, em 1824. Eles foram assentados em glebas de terra situadas nas proximidades da

capital gaúcha. E, em pouco tempo, começaram a mudar o perfil da economia do atual estado.


Primeiramente, introduziram o artesanato em uma escala que, até então, nunca fora

praticada. Depois, estabeleceram laços comerciais com seus países de origem, que

terminaram por beneficiar o Rio Grande. Pela primeira vez havia, no país, uma região em

que predominavam os homens livres, que viviam de seu trabalho, e não da exploração do

trabalho alheio.


As levas de imigrantes se sucederam, e aos poucos transformaram o perfil do Rio Grande.

Trouxeram a agricultura de pequena propriedade e o artesanato. Através dessas atividades,

consolidaram um mercado interno e desenvolveram a camada média da população. E,

embora o poder político ainda fosse detido pelos grandes senhores das estâncias e

charqueadas, o poder econômico dos imigrantes foi, aos poucos, se consolidando.


“As levas de imigrantes se sucederam, e aos poucos transformaram o perfil do Rio Grande. Trouxeram a

agricultura de pequena propriedade e o artesanato. Através dessas atividades, consolidaram um mercado

interno e desenvolveram a camada média da população. E, embora o poder político ainda fosse detido pelos

grandes senhores das estâncias e charqueadas, o poder econômico dos imigrantes foi, aos poucos, se

consolidando.”


O último parágrafo do texto enfatiza

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19nOWW9MxkPvM4xGaBwyYPucQ6AKGCnTi8=
Questão 170348
A CASA DAS QUESTÕES 2019 A CASA DAS QUESTÕES Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

Graças à língua, o homem liberta-se das circunstâncias imediatas, o ‘aqui e agora’, e expande para o passado e o futuro o

cenário em que se passam os episódios de sua vida. Ou seja: graças à língua, o homem nomeia ou evoca seres não presentes

na situação de fala; reporta-se a situações e experiências passadas, revive-as e provoca em seu ouvinte ou leitor sensações

análogas às que experimentou; projeta experiências futuras ou cria seres que compõem cenários imaginários e participam de

acontecimentos imaginários. Graças à língua, os conteúdos expressos em nossos enunciados não precisam, portanto, ser

reflexos de dados presentes na situação comunicativa, mas sempre hão de ser conceitos potencialmente significativos, aptos a

compor textos que podem ser produzidos em lugares e épocas distintos do espaço e tempo em que as coisas relatadas ou

referidas ocorreram.


De acordo com o texto,

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/h4B9SbN34djl0kAj0FlAOC0XZ4ibpJ+U=
Questão 108519
CESPE 2016 TRE Sintaxe do Período (Coordenadas e Subordinadas / Nexos), Crase, Pontuação, Pronome: Emprego, Formas de Tratamento e Colocação, Classes de Palavras (Morfologia) / Flexão Nominal e Verbal

Assinale a opção correta acerca dos aspectos linguísticos do texto Geografia eleitoral e manutenção do poder:....

 

 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+Gx+xSfeABHqDEJUGXXgf6e9ghM5o78hU=
INFORMÁTICA
Questão 121034
CESPE 2018 IF-FARROUPILHA-RS Microsoft Excel 2010, Microsoft Excel, Planilhas Eletrônicas

No processo de edição de uma planilha no Microsoft Excel 2010, um usuário realizou o seguinte procedimento:

• selecionou a célula C10, preenchida com um valor numérico;

• acionou o atalho CTRL +C para copiar o conteúdo da célula C10;

• selecionou a célula D10 e acionou o atalho CTRL + V ;

• acionou o atalho CTRL + B para salvar a planilha.

Tendo como referência essas informações, é correto afirmar que, após o procedimento realizado,

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18KKya/uPbEe/EXuH6NhTLy0R0EZ2XF5jw=
Questão 121015
CESPE 2018 TCE Windows, Linux, Sistemas Operacionais

Os comandos para deletar um arquivo em um utilitário de linha de comando no Windows e no Linux são, respectivamente,

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX198tfS4fsblhR3otbfHJhyoaGK4BkNRYZs=
Questão 121050
CESPE 2018 IF-FARROUPILHA-RS E-mail Conceitos Gerais, E-mail

Considere que um provedor de emails limite em 10 MB o espaço disponível para o envio de arquivos e que se deseje enviar 10 arquivos, sem compactação, cada um deles tendo 1.400 KB de tamanho. Nesse caso, em um único email, a quantidade máxima de arquivos que poderá ser enviada é igual a

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/UgyYljYW8AfZIgXIWAoqcImK7FD4j5V4=
Questão 121014
CESPE 2018 TCE Windows 7, Organização de Arquivos, Pastas e Programas, Sistemas Operacionais, Windows

Acerca do uso do Windows Explorer (WE) para o gerenciamento de arquivos, pastas e programas sob os sistemas Windows Vista e Windows 7 Professional, assinale a opção correta.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/6A5AEXNRtr3IVif+OaNC1npzvgfCn0EM=
Questão 121011
CESPE 2018 PC Windows 8, Windows, Sistemas Operacionais

Ao utilizar um computador no qual está instalado o sistema operacional Windows 8, um usuário efetuou com o mouse um clique duplo no ícone do aplicativo X. Alguns segundos após ter sido aberto, o aplicativo apresentou a informação de que não estava respondendo. Nessa situação hipotética, para que o aplicativo X seja encerrado, o usuário deverá

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19HQ0FptbnS2ofXre+vUItF+7ODoK5J1B4=
DIREITO ELEITORAL
Questão 108271
CESPE 2015 TRE Do Registro de Candidatos, Lei das Eleições (Lei 9.504/97)

A respeito da Lei n.º 9.504/1997, que estabelece normas para as eleições no Brasil, julgue o seguinte item. 

A lei cria reserva de vagas para ambos os sexos ao determinar que cada partido político ou coligação, ao realizar o registro de candidatos, deve preencher o mínimo de 30% e o máximo de 70% de candidatura de cada sexo.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+r415vEv1qB8uQZsv5MEd6r9P8mGRGICs=
Questão 108276
CESPE 2015 TRE Dos Órgãos da Justiça Eleitoral

Considerando a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, julgue o item que se segue, acerca do processo eleitoral, da composição dos tribunais regionais eleitorais e de cabimento recursal.

Exige-se dos advogados que integrarão os tribunais regionais eleitorais o exercício efetivo de, no mínimo, dez anos de atividade profissional, não estando prevista na Constituição Federal a participação do órgão de representação da classe dos advogados nesse processo de escolha.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/DBdRwkypyDyQ+e8HyWX/o/a4adxnAgHY=
Questão 108269
CESPE 2015 TRE Da Criação e do Registro dos Partidos Políticos, Da Organização e Funcionamento dos Partidos Políticos, Dos Partidos Políticos (Lei 9.096/95)

A respeito de aspectos diversos dos partidos políticos no sistema eleitoral brasileiro, julgue o item subsecutivo. 

Para a instituição de um partido político, basta a lavratura do registro de seu estatuto no Tribunal Superior Eleitoral, pois a lei julga desnecessária a inscrição do partido nos modelos da legislação civil.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/zAslOG1SAMGr+M61GzVlmR5RKetj0I7A=
Questão 108255
CESPE 2015 TRE Lei das Eleições (Lei 9.504/97), Do Registro de Candidatos

Conforme disposto na Lei n.º 9.504/1997, assinale a opção correta.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/7bnoH4zegWANqcZmkwdJp819lX2NCkOE=
Questão 108268
CESPE 2015 TRE Da Revisão de Eleitorado, Resolução TSE 21.538/03

Acerca de revisão e correição eleitorais, julgue o item a seguir.

Diante de notícia fundamentada em irregularidade no cadastro e comprovada fraude eleitoral, o tribunal regional eleitoral deve terminar a realização de revisão do eleitorado, processo mediante o qual pode ocorrer a exclusão de eleitor por ofício, por requerimento de delegado de partido ou de qualquer eleitor, sendo dispensável o comparecimento pessoal do eleitor para confirmar a sua inscrição.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX184c0twlEK1Au2CImirdZFGkVMO7UkUT6Q=
Questão 108270
CESPE 2015 TRE Das Convenções para a Escolha de Candidatos, Lei das Eleições (Lei 9.504/97)

A respeito da Lei n.º 9.504/1997, que estabelece normas para as eleições no Brasil, julgue o seguinte item. 

A escolha dos candidatos pelos partidos e a deliberação sobre as coligações devem ser feitas entre 12 e 30 de junho do ano em que se realizarem as eleições, e a respectiva ata deve ser lavrada em livro aberto, rubricado pela justiça eleitoral, e publicada em vinte e quatro horas em qualquer meio de comunicação.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX196JzjOOV7fWl4vYJJFae7hoEk6aCFyDVs=
Questão 108277
CESPE 2015 TRE Dos Órgãos da Justiça Eleitoral

Considerando a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, julgue o item que se segue, acerca do processo eleitoral, da composição dos tribunais regionais eleitorais e de cabimento recursal.

Ainda que decisão que verse sobre processo eleitoral do cargo de governador de estado proferida pelo tribunal regional eleitoral ofenda diretamente a Constituição Federal, não cabe recurso extraordinário para o Supremo Tribunal Federal dessa decisão.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+038dQd7/i3bigoyFMa/rtL+Jhl1XkhMk=
ADMINISTRAÇÃO GERAL
Questão 122376
CESPE 2018 TRT Ferramentas da Qualidade, PDCA, Controle, Processo Organizacional, Gestão da Qualidade

Na fase do planejamento do ciclo PDCA, 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18OWoslmFYQEYL9ruXLdZZcKSsDaPo9F2o=
Questão 122370
CESPE 2018 TCE Ferramentas da Qualidade, PDCA, Controle, Processo Organizacional, Gestão da Qualidade

O método gerencial de tomada de decisão denominado ciclo PDCA — do inglês plan, do, check, act — constitui elemento basilar do sistema de gerenciamento pela qualidade nos processos. De acordo com essa perspectiva, coletar dados e definir metas são atividades a serem realizadas, respectivamente, nas fases de

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/TKb2hPgwF0mth7TGP0uf2RBDPvSLW0Sk=
Questão 122340
CESPE 2016 TCE Gestão de Processos

Assinale a opção correta, a respeito do ciclo de vida de um processo, de acordo com o BPM CBOK (corpo comum de conhecimentos em gerenciamento de processos de negócio) e a literatura pertinente.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19dXSEK+HIdb7+1vi/rzeqPMaibdo4rJIg=