Resolver Questões Estude resolvendo o conjunto de questões

DIREITO ADMINISTRATIVO
Questão 121247
FCC 2018 TRT Improbidade Administrativa – Lei 8.429/92

Considere as seguintes hipóteses:

 

I. José Carlos, não sendo agente público, induziu seu primo Douglas, servidor público federal, à prática de ato de improbidade administrativa.

II. Horácio, não sendo agente público, concorreu para a prática de ato de improbidade administrativa praticado pela sua amiga Tábata, servidora pública federal ainda não estável.

III. Isabel, não sendo agente público, se beneficiou indiretamente pela prática de ato de improbidade administrativa praticado pela sua vizinha, Sofia, que exercia cargo em comissão na empresa pública “X”.

 

Nesses casos, as disposições da Lei nº 8.429/1992 serão aplicáveis, no que couber, a 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX186/UjchGIEEJZd/AFYNYGbEYfulGysAUw=
Questão 121250
FCC 2018 TRT Improbidade Administrativa – Lei 8.429/92

Márcio, servidor público federal, negou publicidade aos atos oficiais. Leonardo, também servidor público federal, deixou de cumprir a exigência de requisitos de acessibilidade previstos na legislação. Nos termos da Lei n° 8.429/1992, considerando estritamente as condutas narradas, bem como que ambas foram praticadas com dolo, 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+b/oHYLuUDkS7P4Qpe5XU460jsgEBswb4=
Questão 121246
FCC 2018 TRT Improbidade Administrativa – Lei 8.429/92

Marcia estagiava no gabinete do desembargador de determinado Tribunal. Auxiliava o assessor na inclusão dos votos nos processos e no sistema de acompanhamento de processos, razão pela qual recebia aqueles documentos antes de se tornarem públicos. Passado certo tempo desde o início do estágio, passou a adulterar algumas decisões a pedido de interessados, recebendo, para tanto, remuneração significativa. A conduta de Marcia

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19AW61SikaHhiqrI24ZIjxPep/FJSLGnro=
Questão 121248
FCC 2018 TRT Improbidade Administrativa – Lei 8.429/92

Considere as seguinte condutas:

I. Receber vantagem econômica de qualquer natureza, direta ou indiretamente, para omitir ato de ofício, providência ou declaração a que esteja obrigado.

II. Receber vantagem econômica de qualquer natureza, direta ou indireta, para tolerar a exploração ou a prática de jogos de azar, de lenocínio, de narcotráfico, de contrabando, de usura ou de qualquer outra atividade ilícita, ou aceitar promessa de tal vantagem.

III. Frustrar a licitude de concurso público.

IV. Permitir ou facilitar a aquisição, permuta ou locação de bem ou serviço por preço superior ao de mercado.

V. Conceder benefício administrativo ou fiscal sem a observância das formalidades legais ou regulamentares aplicáveis à espécie.

De acordo com a Lei no 8.429/1992, constituem atos de improbidade administrativa que causa lesão ao erário especificamente as condutas indicadas APENAS em

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+fMBDrphutIUUSRWVobPnf+jy/gq4M4i0=
RACIOCÍNIO LÓGICO
Questão 120062
FCC 2018 SABESP Tabela-verdade, Lógica de argumentação, Equivalência contrapositiva, Fundamentos de lógica, Equivalência lógica e negação de proposições compostas

A respeito de um objeto, sabe-se que:

− se é pequeno, então é escuro;

 − se é quadrado, então é de papel;

− se não é pequeno, então não é quadrado.


Se o objeto é quadrado, é correto afirmar que ele é 

 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+UEICujwyfltgVA3VPr6KJaTQ6pr7hcU4=
Questão 120072
FCC 2018 TRT Unidade de Tempo, Problemas Algébricos e Aritméticos, Matemática Básica, Sistemas de Medidas

 

Um curso de segurança do trabalho ministrado para servidores estaduais terá 35 horas de aula. Os servidores podem se inscrever nesse curso em módulos de duas aulas semanais de 1 hora e 10 minutos cada (opção 1), ou em módulos de três aulas semanais de 50 minutos cada (opção 2). Considerando que as duas opções de cursos iniciarão em uma segunda-feira e que não haverá feriados nas datas das aulas dos cursos, a opção de maior duração, em semanas, é a

 

 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+AUFfYFnQSLv+dnIec4E5rgBIx5Fr3Vh8=
DIREITO CONSTITUCIONAL
Questão 21161
FCC 2009 TCE Dos Direitos Sociais (Art. 006 a 011), Dos Direitos e Garantias Fundamentais (Art. 005 a 017)

Ao dispor sobre os direitos dos trabalhadores urbanos e rurais, a Constituição da República admite, expressamente, que seja objeto de acordo ou convenção coletiva de trabalho:

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19Y18Z2DjruNgoLHz8ARfYrEBgot63Ykv4=
Questão 173960
FCC 2019 A CASA DAS QUESTÕES Dos Direitos Políticos (Art. 014 a 016), Dos Direitos e Garantias Fundamentais (Art. 005 a 017)

A respeito do que estabelece a Constituição Federal sobre a nacionalidade e os direitos políticos,

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+CbNkzqhHcFqJ5CTvQ5CJKNCWsYbXXlww=
Questão 173961
FCC 2019 A CASA DAS QUESTÕES Dos Direitos Políticos (Art. 014 a 016), Dos Direitos e Garantias Fundamentais (Art. 005 a 017)

Considere que o indivíduo A, brasileiro naturalizado, de 31 anos, alfabetizado, em pleno exercício de seus direitos políticos, pretende se candidatar ao cargo de Senador. Considere que o indivíduo B, brasileiro naturalizado, de 32 anos, alfabetizado, em pleno exercício de seus direitos políticos, pretende se candidatar ao cargo de Governador de Estado. Diante desse quadro, em decorrência das eleições que ocorrem neste ano,

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18yzGy/cRhSoHdExLlV7eUAzX1f4JZfcys=
Questão 173970
FCC 2019 TRT Dos Direitos Sociais (Art. 006 a 011), Dos Direitos e Garantias Fundamentais (Art. 005 a 017)

Simão e seus primos Silas, Moisés e Diego pretendem trabalhar na empresa W objetivando juntar recursos financeiros para uma viagem internacional quando completarem 15 anos de idade. Considerando que Simão possui quatorze anos e dois meses de idade, Silas possui treze anos, Moisés doze anos e Diego quatorze anos e seis meses de idade, de acordo com a Constituição Federal,

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19arRLszCDQxIgFuc8r/C321K+ne71ZhSs=
PORTUGUÊS
Questão 115724
IOBV 2016 PREFEITURA MUNICIPAL DE CHAPECÓ-SC Polissemia e Figuras de Linguagem, Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

“...  é a palavra que procura reproduzir aproximadamente certos sons ou ruídos.”

(SACCONI, L. A. Novíssima Gramática Ilustrada. 23ª edição. São Paulo: Nova Geração, 2010, p. 99)

 

No fragmento acima é feita a definição de um dos processos de formação de palavras mais conhecidos. Tal processo é chamado de:

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19L/pDw9s5p8X0xX3X8jUxDuOO/K7JsJRA=
Questão 122151
CESPE 2017 Gêneros Textuais, Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais


Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/x+O0ZenOLAKt7L9KZan2uxaf1NrFxNPM=
Questão 122194
CESPE 2017 TRE Sintaxe do Período (Coordenadas e Subordinadas / Nexos)

Pode-se dizer que a cidadania é essencialmente consciência de direitos e deveres e exercício da democracia: direitos civis, como segurança e locomoção; direitos sociais, como trabalho, salário justo, saúde, educação, habitação etc.; direitos políticos, como liberdade de expressão, de voto, de participação em partidos políticos e sindicatos etc. Não há cidadania sem democracia. O conceito de cidadania, contudo, é um conceito ambíguo. Em 1789, a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão estabelecia as primeiras normas para assegurar a liberdade individual e a propriedade. Nascia a cidadania como uma conquista liberal. Hoje, o conceito de cidadania é mais complexo. Com a ampliação dos direitos, nasceu também uma concepção mais ampla de cidadania. De um lado, existe uma concepção consumerista de cidadania (direito de defesa do consumidor) e, de outro, uma concepção plena, que se manifesta na mobilização da sociedade para a conquista de novos direitos e na participação direta da população na gestão da vida pública, por meio, por exemplo, da discussão democrática do orçamento. Esta tem sido uma prática, sobretudo no nível do poder local, que tem ajudado na construção de uma democracia participativa, superando os limites da democracia puramente representativa.

Moacir Gadotti. Escola cidadã – educação para e pela cidadania. Internet: (com adaptações).


A No texto, o termo “que”, em “Esta tem sido uma prática, sobretudo no nível do poder local, que tem ajudado na construção de uma democracia participativa, superando os limites da democracia puramente representativa.”, remete a

A “prática”.

B “nível”.

C “poder local”.

D “discussão”.

E “orçamento”.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/iqEdbJcze07i++xf6Jj1Kg+6vyOy9cUo=
Questão 110802
FGV 2016 CODEBA Classes de Palavras (Morfologia) / Flexão Nominal e Verbal

A frase a seguir em que o emprego da forma esse-essa-esses-essas-isso do demonstrativo é devido a uma razão diferente das demais é: 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+cIBfOJ62QZ+/dAsMECzP2SPN5DkDEC+k=
Questão 127505
FUNDATEC 2019 A CASA DAS QUESTÕES Acentuação Gráfica

Sobre o uso de acento gráfico nos vocábulos ‘ideia e papeis’ que preenchem respectivamente as lacunas pontilhadas

abaixo, afirma-se que


“A felicidade no local de trabalho não é uma ..................... abstrata” / “Seguem algumas etapas que as empresas

deveriam seguir para criar um ambiente onde as pessoas possam alinhar seus valores e ............ à cultura da

organização.”


Ambas as palavras devem ser acentuadas em virtude da ocorrência do ditongo aberto ei.


Apenas uma delas recebe acento gráfico, visto que o ditongo aberto encontra-se na penúltima sílaba.


Apenas uma delas recebe acento gráfico, visto que o ditongo aberto encontra-se na última sílaba.


As duas palavras não devem ser acentuadas em virtude da ocorrência de ditongo aberto.


Quais estão INCORRETAS?


Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/6BDDAxEvPpGyWLmbsS1UYVPxji70bP9o=
Questão 122159
CESPE 2017 PJC Sintaxe do Período (Coordenadas e Subordinadas / Nexos)

A valorização do direito à vida digna preserva as duas faces do homem: a do indivíduo e a do ser político; a do ser em si e a do ser com o outro. O homem é inteiro em sua dimensão plural e faz-se único em sua condição social. Igual em sua humanidade, o homem desiguala-se, singulariza-se em sua individualidade. O direito é o instrumento da fraternização racional e rigorosa. O direito à vida é a substância em torno da qual todos os direitos se conjugam se desdobram, se somam para que o sistema fique mais e mais próximo da ideia concretizável de justiça social. Mais valeria que a vida atravessasse as páginas da Lei Maior a se traduzir em palavras que fossem apenas a revelação da justiça. Quando os descaminhos não conduzirem a isso, competirá ao homem transformar a lei na vida mais digna para que a convivência política seja mais fecunda e humana.

Cármen Lúcia Antunes Rocha. Comentário ao artigo 3.º. In: 50 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos 1948-1998: conquistas e desafios. Brasília: OAB, Comissão Nacional de Direitos Humanos, 1998, p. 50-1 (com adaptações)


 Sem prejuízo para a coerência e para a correção gramatical, a conjunção “Quando” (“Quando os descaminhos não conduzirem a isso, competirá ao homem transformar a lei na vida mais digna para que a convivência política seja mais fecunda e humana.”) poderia ser substituída por 





Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19URnGf2HVIGPYOO5Jqir71gOqCLSGoMDI=
Questão 108521
CESPE 2016 TRE Sintaxe do Período (Coordenadas e Subordinadas / Nexos)

Assinale a opção correta acerca dos aspectos linguísticos e dos sentidos do texto Geografia eleitoral e manutenção do poder:....

 

 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18Fvq0vtYY23U8gKGMOoVbQa6lbpEeeJxw=
Questão 110791
FGV 2016 PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ-MT Sintaxe da Oração (Análise Sintática)

Assinale a opção que indica a frase em que a preposição de tem sua presença na frase por uma exigência de um termo anterior.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/da4ibUOEa0/4k+rTFtiFnHE7LZPOz/yE=
Questão 127402
FAURGS 2017 BANRISUL Sintaxe do Período (Coordenadas e Subordinadas / Nexos)

A maioria das pessoas acha que conviver com robôs é algo futurista, mas, de certo modo, eles já estão entre nós, influenciando decisões e, até mesmo, o rumo de nossas vidas. Do aplicativo que sugere sua próxima refeição, passando pelo serviço de streaming ofertando o filme que você vai assistir, até os secretários pessoais que auxiliam em situações diárias, os sistemas de inteligência artificial são uma realidade. Tudo isto constitui um caminho sem volta, na opinião de especialistas, que destacam os benefícios das maravilhas digitais, mas também alertam que o avanço dessas tecnologias pode, no futuro, tornar a inteligência humana obsoleta.

Robôs humanoides no cotidiano são ficção, não por limitações técnicas, mas pela dificuldade das pessoas em lidar com isso. “Basta colocar um smartphone num boneco que anda”, brinca o cientista de dados Ricardo Cappra, que atuou na estratégia digital da campanha presidencial de Barack Obama, em 2008. O exemplo pode parecer forçado, mas faz sentido. Celulares modernos têm assistentes virtuais que impressionam.

Com inteligência artificial, eles conhecem os hábitos dos donos e personalizam seu funcionamento. Além de realizar tarefas básicas, como organizar agenda, programar viagens e responder mensagens, eles analisam a rotina das pessoas e sugerem o horário em que devem sair de casa para o trabalho, considerando o tráfego no trajeto habitual, avaliam o histórico de buscas para oferecer notícias de interesse e podem até conversar, por voz, como uma “pessoa”.

Raúl Rentería, diretor do centro de pesquisas do Bing, da Microsoft, explica que a Cortana usa o conhecimento criado pelas conexões entre entidades no buscador. Com a repetição das buscas, o motor aprende a relacionar as informações. Sabe, por exemplo, que Flamengo é um bairro no Rio, mas também um time de futebol. E esses dados são usados pelo assistente virtual.

A inteligência artificial está em incontáveis outros serviços. Sites de comércio eletrônico analisam o perfil de buscas e compras de cada cliente para fazer ofertas personalizadas. Serviços de streaming de vídeo, como YouTube e Netflix, avaliam o que já foi assistido para sugerir opções ao gosto de cada um. Para especialistas, a digitalização facilitou a produção de informações, e a inteligência artificial surge como um filtro necessário.

Carlos Pedreira, professor de Engenharia de Sistemas e Computação da Coppe/UFRJ, explica que as tecnologias de inteligência computacional são desenvolvidas há anos, mas, recentemente, houve uma explosão no volume de dados e na capacidade de armazenamento e processamento dessas informações, o chamado Big Data.

– Os benefícios não são apenas na área do marketing e serviços – diz Pedreira. – Apesar de eu achar que os humanos nunca serão superados, existem situações em que os sistemas computacionais fazem coisas que não podemos. Na medicina, uma pessoa não analisa 20 medidas por célula de um conjunto de dois milhões de células. Essas máquinas conseguem.

Nem todos são simpáticos ao fenômeno. O historiador israelense Yuval Harari, autor do best-seller “Sapiens – Uma breve história da Humanidade”, acha que o ser humano se tornará obsoleto. Segundo ele, dentro de 40 anos, não só taxistas serão substituídos por carros autômatos, mas cerca de 50% de todos os empregos em economias avançadas. Isso impõe um desafio de sobrevivência da própria espécie.

– Provavelmente nós somos das últimas gerações do homo sapiens. Um bebê nascido hoje ainda terá netos, mas não estou certo de que esses netos terão netos, ao menos não humanos. Dentro de um século ou dois, os humanos se tornarão super-humanos ou desaparecerão. De qualquer forma, os seres que dominarão o planeta em 2200 serão mais diferentes de nós do que somos diferentes dos chimpanzés – acredita Yuval Harari.

Adaptado de MATSUURA, Sérgio. Robôs podem tornar inteligência humana obsoleta, dizem especialistas. O Globo, Rio de Janeiro, 18 de abril de 2016. Disponível em: . Acesso em: 10 jan. 2018.

 

Se o penúltimo parágrafo do texto fosse introduzido por um nexo, qual melhor evidenciaria a relação textual deste parágrafo com os que o antecedem? 


Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19ZcV1PkJGk7XhTvC9HKwXlf6onPtuKeVE=
Questão 115647
IDHTEC 2016 PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAQUITINGA-PE Classes de Palavras (Morfologia) / Flexão Nominal e Verbal

O emprego do pronome „aquela‟ na charge:

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18kO34KungNnn5GAGJthjkliSPE34/av5g=
Questão 122153
CESPE 2017 PJC Classes de Palavras (Morfologia) / Flexão Nominal e Verbal, Concordância Nominal e Verbal, Confronto e Reconhecimento de Frases Corretas e Incorretas, Crase, Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

A injustiça, Senhores, desanima o trabalho, a honestidade, o bem; cresta em flor os espíritos dos moços, semeia no coração das gerações que vêm nascendo a semente da podridão, habitua os homens a não acreditar senão na estrela, na fortuna, no acaso, na loteria da sorte; promove a desonestidade, a venalidade, a relaxação; insufla a cortesania, a baixeza, sob todas as suas formas. De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto. E, nessa destruição geral das nossas instituições, a maior de todas as ruínas, Senhores, é a ruína da justiça, corroborada pela ação dos homens públicos. E, nesse esboroamento da justiça, a mais grave de todas as ruínas é a falta de penalidade aos criminosos confessos, é a falta de punição quando ocorre um crime de autoria incontroversa, mas ninguém tem coragem de apontá-la à opinião pública, de modo que a justiça possa exercer a sua ação saneadora e benfazeja.

Rui Barbosa. Obras completas de Rui Barbosa. Vol. XLI. 1914. Internet: (com adaptações).


 A correção gramatical do texto seria mantida caso 3450 / 3453 / 3473 / 3455

I o termo “sob” (“promove a desonestidade, a venalidade, a relaxação; insufla a cortesania, a baixeza, sob todas as suas formas.”) fosse substituído por em.

II a forma verbal “ver”, em todas as suas ocorrências, fosse flexionada no plural — verem.

“De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.”

III a forma verbal “é” fosse suprimida. “E, nesse esboroamento da justiça, a mais grave de todas as ruínas é a falta de penalidade aos criminosos confessos, é a falta de punição quando ocorre um crime de autoria incontroversa...”

IV o acento indicativo de crase em “à opinião pública” fosse suprimido. “mas ninguém tem coragem de apontá-la à opinião pública, de modo que a justiça possa exercer a sua ação saneadora e benfazeja.”


Estão certos apenas os itens


Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+yRV/kB6zzEcTp3AfFUAFOWkn8eY97jM8=
Questão 122196
CESPE 2017 TRE Sintaxe do Período (Coordenadas e Subordinadas / Nexos)

Em sua definição, o voto em branco é aquele que não se dirige a nenhum candidato entre os que disputam as eleições. São considerados, portanto, votos estéreis, porque não produzem frutos. Os votos nulos, por sua vez, são aqueles que, somados aos votos em branco, compõem a categoria dos votos estéreis, inválidos ou, como denominou o Tribunal  Superior Eleitoral, votos apolíticos. Logo, os votos em branco e os nulos são votos que, a princípio, não produzem resultado nem influenciam no resultado do pleito.

Ao comparecer às urnas no dia das eleições, o eleitor que apresentar voto em branco ou nulo pode fazê-lo por diversas razões. Esses motivos podem embasar tanto a postura dos que votam em branco quanto a dos que votam nulo, pois o resultado final é o mesmo: invalidar o voto. Assim sendo, não é razoável diferenciar o voto em branco do voto nulo. Deve-se considerar a essência do ato, a sua real motivação, que é a invalidação. É evidente que não se sabe, ao certo, a razão que motiva cada eleitor a votar em branco ou nulo; entretanto, em ambos os casos, não há dúvida quanto à invalidade do voto por ele dado.

Renata Dias. Os votos brancos e nulos no estado democrático de direito: a legitimidade das eleições majoritárias no Brasil. In: Estudos eleitorais, v. 8, n.º 1, jan./abr. 2013, p. 36-8 (com adaptações).


Acerca do papel das conjunções na organização argumentativa do texto, julgue os itens subsequentes.

I A conjunção “porque” combina duas orações que mantêm entre si uma relação de causalidade. (“São considerados, portanto, votos estéreis, porque não produzem frutos.”)

II A conjunção “como” indica uma comparação entre as afirmações das orações por ela conectadas. (“Os votos nulos, por sua vez, são aqueles que, somados aos votos em branco, compõem a categoria dos votos estéreis, inválidos ou, como denominou o Tribunal  Superior Eleitoral, votos apolíticos.”)

III A conjunção “Logo” introduz um período que explica o raciocínio apresentado em períodos anteriores. (“Logo, os votos em branco e os nulos são votos que, a princípio, não produzem resultado nem influenciam no resultado do pleito.”)

IV A conjunção “entretanto” estabelece relação de contraposição entre os conteúdos das orações por ela combinadas. (“É evidente que não se sabe, ao certo, a razão que motiva cada eleitor a votar em branco ou nulo; entretanto, em ambos os casos, não há dúvida quanto à invalidade do voto por ele dado.”)

Estão certos apenas os itens

A I e III.

B I e IV.

C II e III.

D II e IV.

E III e IV.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19OyNlBWufC2IQVz9O8XvxEzMrppMMXKRw=
Questão 122150
CESPE 2017 PJC Classes de Palavras (Morfologia) / Flexão Nominal e Verbal

A injustiça, Senhores, desanima o trabalho, a honestidade, o bem; cresta em flor os espíritos dos moços, semeia no coração das gerações que vêm nascendo a semente da podridão, habitua os homens a não acreditar senão na estrela, na fortuna, no acaso, na loteria da sorte; promove a desonestidade, a venalidade, a relaxação; insufla a cortesania, a baixeza, sob todas as suas formas. De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto. E, nessa destruição geral das nossas instituições, a maior de todas as ruínas, Senhores, é a ruína da justiça, corroborada pela ação dos homens públicos. E, nesse esboroamento da justiça, a mais grave de todas as ruínas é a falta de penalidade aos criminosos confessos, é a falta de punição quando ocorre um crime de autoria incontroversa, mas ninguém tem coragem de apontá-la à opinião pública, de modo que a justiça possa exercer a sua ação saneadora e benfazeja.

Rui Barbosa. Obras completas de Rui Barbosa. Vol. XLI. 1914. Internet: (com adaptações).


Em “o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto., o elemento “se” foi empregado em “rir-se” para indicar 3


Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+eohWEBY7k7p5gZo+HwdQ0NB/Mb1n40eM=
Questão 110784
FGV 2016 IBGE Sintaxe do Período (Coordenadas e Subordinadas / Nexos)

A frase em que o vocábulo mas tem valor aditivo é: 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18tJPt/HVBxIXWAfOKBqcSp8zlfBXA/0KU=
Questão 122151
CESPE 2017 PJC Gêneros Textuais, Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

A injustiça, Senhores, desanima o trabalho, a honestidade, o bem; cresta em flor os espíritos dos moços, semeia no coração das gerações que vêm nascendo a semente da podridão, habitua os homens a não acreditar senão na estrela, na fortuna, no acaso, na loteria da sorte; promove a desonestidade, a venalidade, a relaxação; insufla a cortesania, a baixeza, sob todas as suas formas. De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto. E, nessa destruição geral das nossas instituições, a maior de todas as ruínas, Senhores, é a ruína da justiça, corroborada pela ação dos homens públicos. E, nesse esboroamento da justiça, a mais grave de todas as ruínas é a falta de penalidade aos criminosos confessos, é a falta de punição quando ocorre um crime de autoria incontroversa, mas ninguém tem coragem de apontá-la à opinião pública, de modo que a justiça possa exercer a sua ação saneadora e benfazeja.

Rui Barbosa. Obras completas de Rui Barbosa. Vol. XLI. 1914. Internet: (com adaptações).

No que se refere ao gênero textual, o texto classifica-se como

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+0U1z3FagJ9kJ1xFl1RRzVdzKg/J3AiIU=
Questão 122198
CESPE 2017 TRE Sintaxe da Oração (Análise Sintática)

Em sua definição, o voto em branco é aquele que não se dirige a nenhum candidato entre os que disputam as eleições. São considerados, portanto, votos estéreis, porque não produzem frutos. Os votos nulos, por sua vez, são aqueles que, somados aos votos em branco, compõem a categoria dos votos estéreis, inválidos ou, como denominou o Tribunal  Superior Eleitoral, votos apolíticos. Logo, os votos em branco e os nulos são votos que, a princípio, não produzem resultado nem influenciam no resultado do pleito.

Ao comparecer às urnas no dia das eleições, o eleitor que apresentar voto em branco ou nulo pode fazê-lo por diversas razões. Esses motivos podem embasar tanto a postura dos que votam em branco quanto a dos que votam nulo, pois o resultado final é o mesmo: invalidar o voto. Assim sendo, não é razoável diferenciar o voto em branco do voto nulo. Deve-se considerar a essência do ato, a sua real motivação, que é a invalidação. É evidente que não se sabe, ao certo, a razão que motiva cada eleitor a votar em branco ou nulo; entretanto, em ambos os casos, não há dúvida quanto à invalidade do voto por ele dado.

Renata Dias. Os votos brancos e nulos no estado democrático de direito: a legitimidade das eleições majoritárias no Brasil. In: Estudos eleitorais, v. 8, n.º 1, jan./abr. 2013, p. 36-8 (com adaptações).


Assinale a opção que apresenta termo que desempenha a mesma função sintática que “a razão” no texto. (“É evidente que não se sabe, ao certo, a razão...”)

A “o mesmo” – “o resultado final é o mesmo”  

B “votos estéreis” – “São considerados, portanto, votos estéreis”

C “o Tribunal Superior Eleitoral” – “como denominou o Tribunal  Superior Eleitoral”

D “dúvida” – “não há dúvida quanto à invalidade do voto por ele dado.”

E “resultado” – “os votos em branco e os nulos são votos que não produzem resultado”

Frase original – a  razão = sujeito (Que é que não se sabe? A razão)

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18EaByfPLckM/2RlskcYFkI7gdPaiZs1pM=
Questão 115046
IAUPE 2016 PM Classes de Palavras (Morfologia) / Flexão Nominal e Verbal

Em nossa língua, como em outras, há convenções no que se refere ao emprego de algumas palavras e expressões. 

Considerando essas convenções, analise as proposições abaixo.

I. Mal começa o show, e as pessoas já estão disparando as suas câmeras.
II. Está com o smartphone sempre pronto a capturar os acontecimentos é a moda atual.
III. Ela me disse que fica meio chateada quando uma pessoa fala no celular ao seu lado.
IV. Gostar de interagir não é novidade. Mais a preferência pela interação via smartphones é. 
V. Não entendo por que o compartilhamento nas redes sociais ganhou tamanha relevância. 

Estão CORRETAS, apenas:

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+Vu1+IPawZefUGohMVKsX/1Y6SNYMrZTY=
Questão 127407
FAURGS 2017 BANRISUL Semântica e Vocabulário, Sintaxe da Oração (Análise Sintática)

A maioria das pessoas acha que conviver com robôs é algo futurista, mas, de certo modo, eles já estão entre nós, influenciando decisões e, até mesmo, o rumo de nossas vidas. Do aplicativo que sugere sua próxima refeição, passando pelo serviço de streaming ofertando o filme que você vai assistir, até os secretários pessoais que auxiliam em situações diárias, os sistemas de inteligência artificial são uma realidade. Tudo isto constitui um caminho sem volta, na opinião de especialistas, que destacam os benefícios das maravilhas digitais, mas também alertam que o avanço dessas tecnologias pode, no futuro, tornar a inteligência humana obsoleta.

Robôs humanoides no cotidiano são ficção, não por limitações técnicas, mas pela dificuldade das pessoas em lidar com isso. “Basta colocar um smartphone num boneco que anda”, brinca o cientista de dados Ricardo Cappra, que atuou na estratégia digital da campanha presidencial de Barack Obama, em 2008. O exemplo pode parecer forçado, mas faz sentido. Celulares modernos têm assistentes virtuais que impressionam.

Com inteligência artificial, eles conhecem os hábitos dos donos e personalizam seu funcionamento. Além de realizar tarefas básicas, como organizar agenda, programar viagens e responder mensagens, eles analisam a rotina das pessoas e sugerem o horário em que devem sair de casa para o trabalho, considerando o tráfego no trajeto habitual, avaliam o histórico de buscas para oferecer notícias de interesse e podem até conversar, por voz, como uma “pessoa”.

Raúl Rentería, diretor do centro de pesquisas do Bing, da Microsoft, explica que a Cortana usa o conhecimento criado pelas conexões entre entidades no buscador. Com a repetição das buscas, o motor aprende a relacionar as informações. Sabe, por exemplo, que Flamengo é um bairro no Rio, mas também um time de futebol. E esses dados são usados pelo assistente virtual.

A inteligência artificial está em incontáveis outros serviços. Sites de comércio eletrônico analisam o perfil de buscas e compras de cada cliente para fazer ofertas personalizadas. Serviços de streaming de vídeo, como YouTube e Netflix, avaliam o que já foi assistido para sugerir opções ao gosto de cada um. Para especialistas, a digitalização facilitou a produção de informações, e a inteligência artificial surge como um filtro necessário.

Carlos Pedreira, professor de Engenharia de Sistemas e Computação da Coppe/UFRJ, explica que as tecnologias de inteligência computacional são desenvolvidas há anos, mas, recentemente, houve uma explosão no volume de dados e na capacidade de armazenamento e processamento dessas informações, o chamado Big Data.

– Os benefícios não são apenas na área do marketing e serviços – diz Pedreira. – Apesar de eu achar que os humanos nunca serão superados, existem situações em que os sistemas computacionais fazem coisas que não podemos. Na medicina, uma pessoa não analisa 20 medidas por célula de um conjunto de dois milhões de células. Essas máquinas conseguem.

Nem todos são simpáticos ao fenômeno. O historiador israelense Yuval Harari, autor do best-seller “Sapiens – Uma breve história da Humanidade”, acha que o ser humano se tornará obsoleto. Segundo ele, dentro de 40 anos, não só taxistas serão substituídos por carros autômatos, mas cerca de 50% de todos os empregos em economias avançadas. Isso impõe um desafio de sobrevivência da própria espécie.

– Provavelmente nós somos das últimas gerações do homo sapiens. Um bebê nascido hoje ainda terá netos, mas não estou certo de que esses netos terão netos, ao menos não humanos. Dentro de um século ou dois, os humanos se tornarão super-humanos ou desaparecerão. De qualquer forma, os seres que dominarão o planeta em 2200 serão mais diferentes de nós do que somos diferentes dos chimpanzés – acredita Yuval Harari.

Adaptado de MATSUURA, Sérgio. Robôs podem tornar inteligência humana obsoleta, dizem especialistas. O Globo, Rio de Janeiro, 18 de abril de 2016. 


Considere as seguintes afirmações em relação à oração Essas máquinas conseguem. 3449 / 3452

I - Essas máquinas retoma metaforicamente a expressão os humanos.

II - Esta oração não é gramaticalmente correta, pois o verbo conseguir necessita sempre de um complemento.

III - Esta oração apresenta um caso de elipse em que se subentende um termo ou termos já anteriormente enunciados na frase anterior.

“– Os benefícios não são apenas na área do marketing e serviços – diz Pedreira. – Apesar de eu achar que os humanos nunca serão superados, existem situações em que os sistemas computacionais fazem coisas que não podemos. Na medicina, uma pessoa não analisa 20 medidas por célula de um conjunto de dois milhões de células. Essas máquinas conseguem.”

Quais estão corretas?

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/YTqwLasBNolcozyFLQXBkwPydt+AWRKo=
Questão 122157
CESPE 2017 PJC Confronto e Reconhecimento de Frases Corretas e Incorretas, Interpretação, Compreensão, Tipologia e Gêneros Textuais

A valorização do direito à vida digna preserva as duas faces do homem: a do indivíduo e a do ser político; a do ser em si e a do ser com o outro. O homem é inteiro em sua dimensão plural e faz-se único em sua condição social. Igual em sua humanidade, o homem desiguala-se, singulariza-se em sua individualidade. O direito é o instrumento da fraternização racional e rigorosa. O direito à vida é a substância em torno da qual todos os direitos se conjugam se desdobram, se somam para que o sistema fique mais e mais próximo da ideia concretizável de justiça social. Mais valeria que a vida atravessasse as páginas da Lei Maior a se traduzir em palavras que fossem apenas a revelação da justiça. Quando os descaminhos não conduzirem a isso, competirá ao homem transformar a lei na vida mais digna para que a convivência política seja mais fecunda e humana.

Cármen Lúcia Antunes Rocha. Comentário ao artigo 3.º. In: 50 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos 1948-1998: conquistas e desafios. Brasília: OAB, Comissão Nacional de Direitos Humanos, 1998, p. 50-1 (com adaptações)

Em cada uma das opções a seguir é apresentada uma proposta de reescrita de “O direito à vida é a substância em torno da qual todos os direitos se conjugam, se desdobram, se somam para que o sistema fique mais e mais próximo da ideia concretizável de justiça social.” Assinale a opção em que a proposta de reescrita mantém o sentido e a correção gramatical do referido texto

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19tHC6ZCQDU+hoAYOiwU/G9C2p7illxbxs=
Questão 127409
FAURGS 2017 BANRISUL Classes de Palavras (Morfologia) / Flexão Nominal e Verbal

A maioria das pessoas acha que conviver com robôs é algo futurista, mas, de certo modo, eles já estão entre nós, influenciando decisões e, até mesmo, o rumo de nossas vidas. Do aplicativo que sugere sua próxima refeição, passando pelo serviço de streaming ofertando o filme que você vai assistir, até os secretários pessoais que auxiliam em situações diárias, os sistemas de inteligência artificial são uma realidade. Tudo isto constitui um caminho sem volta, na opinião de especialistas, que destacam os benefícios das maravilhas digitais, mas também alertam que o avanço dessas tecnologias pode, no futuro, tornar a inteligência humana obsoleta.

Robôs humanoides no cotidiano são ficção, não por limitações técnicas, mas pela dificuldade das pessoas em lidar com isso. “Basta colocar um smartphone num boneco que anda”, brinca o cientista de dados Ricardo Cappra, que atuou na estratégia digital da campanha presidencial de Barack Obama, em 2008. O exemplo pode parecer forçado, mas faz sentido. Celulares modernos têm assistentes virtuais que impressionam.

Com inteligência artificial, eles conhecem os hábitos dos donos e personalizam seu funcionamento. Além de realizar tarefas básicas, como organizar agenda, programar viagens e responder mensagens, eles analisam a rotina das pessoas e sugerem o horário em que devem sair de casa para o trabalho, considerando o tráfego no trajeto habitual, avaliam o histórico de buscas para oferecer notícias de interesse e podem até conversar, por voz, como uma “pessoa”.

Raúl Rentería, diretor do centro de pesquisas do Bing, da Microsoft, explica que a Cortana usa o conhecimento criado pelas conexões entre entidades no buscador. Com a repetição das buscas, o motor aprende a relacionar as informações. Sabe, por exemplo, que Flamengo é um bairro no Rio, mas também um time de futebol. E esses dados são usados pelo assistente virtual.

A inteligência artificial está em incontáveis outros serviços. Sites de comércio eletrônico analisam o perfil de buscas e compras de cada cliente para fazer ofertas personalizadas. Serviços de streaming de vídeo, como YouTube e Netflix, avaliam o que já foi assistido para sugerir opções ao gosto de cada um. Para especialistas, a digitalização facilitou a produção de informações, e a inteligência artificial surge como um filtro necessário.

Carlos Pedreira, professor de Engenharia de Sistemas e Computação da Coppe/UFRJ, explica que as tecnologias de inteligência computacional são desenvolvidas há anos, mas, recentemente, houve uma explosão no volume de dados e na capacidade de armazenamento e processamento dessas informações, o chamado Big Data.

– Os benefícios não são apenas na área do marketing e serviços – diz Pedreira. – Apesar de eu achar que os humanos nunca serão superados, existem situações em que os sistemas computacionais fazem coisas que não podemos. Na medicina, uma pessoa não analisa 20 medidas por célula de um conjunto de dois milhões de células. Essas máquinas conseguem.

Nem todos são simpáticos ao fenômeno. O historiador israelense Yuval Harari, autor do best-seller “Sapiens – Uma breve história da Humanidade”, acha que o ser humano se tornará obsoleto. Segundo ele, dentro de 40 anos, não só taxistas serão substituídos por carros autômatos, mas cerca de 50% de todos os empregos em economias avançadas. Isso impõe um desafio de sobrevivência da própria espécie.

– Provavelmente nós somos das últimas gerações do homo sapiens. Um bebê nascido hoje ainda terá netos, mas não estou certo de que esses netos terão netos, ao menos não humanos. Dentro de um século ou dois, os humanos se tornarão super-humanos ou desaparecerão. De qualquer forma, os seres que dominarão o planeta em 2200 serão mais diferentes de nós do que somos diferentes dos chimpanzés – acredita Yuval Harari.

Adaptado de MATSUURA, Sérgio. Robôs podem tornar inteligência humana obsoleta, dizem especialistas. O Globo, Rio de Janeiro, 18 de abril de 2016. Disponível em: . Acesso em: 10 jan. 2018.

O artigo indefinido pode ser empregado para conferir a um substantivo um significado genérico, atribuindo-lhe a representação de toda a espécie. Exemplo desse tipo de significação contextual é a expressão


Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/BFhJ3IU6UNKjPaKoWiHu17F3k9dZdHYA=
MATEMÁTICA
Questão 114290
VUNESP 2016 UNESP Problemas Algébricos e Aritméticos, Estatística, Representação e Análise de Dados, Matemática Básica, Porcentagem

A empresa ENLACE é especializada em fotografar casamentos. Para atender às necessidades de seus clientes, foram desenvolvidos 3 pacotes de serviços, com sessões de fotos e books com diferentes preços. Os valores são os seguintes:

 

 

 

Com base na tabela de preços e sabendo que no pacote Standard a sessão de fotos custa R$ 1.000,00 e que o book Standard em relação aos books Classic e Luxo é, respectivamente, R$ 150,00 e R$ 250,00 mais barato, pode-se afirmar que o preço da sessão de fotos nos pacotes Classic e Luxo, em relação ao pacote Standard, tem um desconto de, respectivamente,

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX192ZxJj3WrN7kWU6VYa8cPSj+KbfAMfsKM=
Questão 110469
FCC 2012 MPE Razões e Proporções, Regra de Três Simples

Cada 100 kg de material A usado para reciclagem permite a produção de 25 kg do material B. Cada 200 kg de material B usado para reciclagem permite a produção de 8 kg do material C. A produção de 100 kg do material C, apenas com o uso de material B reciclado a partir do material A, exigirá uma quantidade do material A, em quilogramas, igual a: 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+QIhtgJj51N2RkhGtGdndj5ok7rfFfE5M=
INFORMÁTICA
Questão 121010
CESPE 2018 IF-FARROUPILHA-RS Windows 7, Windows, Sistemas Operacionais

No Windows 7, utilizando o Windows Explorer, um usuário realizou as seguintes ações:

• clicou com o botão direto do mouse sobre o arquivo de nome instituto_federal.doc, localizado na pasta C:\dados\;

• selecionou, na lista disponibilizada, a opção Recortar;

• navegou até a pasta C:\backup\ e clicou com o botão direito do mouse sobre uma área vazia;

• na lista disponibilizada, escolheu a opção Colar.

 

Nessa situação hipotética, após a conclusão com sucesso das ações mencionadas, o arquivo instituto_federal.doc

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/g80m88vE5VeyJD4UDlGFVoJvidt97Dc4=
Questão 120127
FUNDATEC 2017 IGP Windows 7, Windows, Sistemas Operacionais

Esta questão baseia-se nas Figuras 1(a) e 1(b). A Figura 1(a) mostra, apenas, parte da tela de um monitor de um computador, com o sistema operacional Windows 7 Professional. A Figura 1(b) exibe, intencionalmente, parte de uma janela do Windows 7 Professional, que passou a ser exibida após se executar determinada ação na Figura 1(a).

 

https://s3.amazonaws.com/qcon-assets-production/images/provas/55285/aa04b985056c5f9ec201.png         

Para que fosse exibida a caixa de diálogo da Figura 1(b), bastou, antes, na Figura 1(a), dar um clique com o botão esquerdo do mouse sobre o local apontado pela seta nº:

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+8RXNIhpX8EjD9BhWr5+VcqLre8DOSrQY=
Questão 120094
FUNDATEC 2017 PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS-PR Microsoft Word 2010, Microsoft Word, Editores de Texto

Analise os seguintes ícones do Microsoft Word 2010:. Assinale a alternativa que representa, respectivamente, as funcionalidades desses ícones.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/6djs9+Mk3bJMQs2EwoAxNj4da+FVM4ps=
Questão 120099
FUNDATEC 2017 PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS-PR Microsoft Excel 2010, Microsoft Excel, Planilhas Eletrônicas

No Excel 2010, clicando no botão abaixo, localizado na guia Página Inicial, analise as seguintes assertivas sobre as opções disponíveis:

 

I. Classificar de A a Z.

II. Filtro.

III. Localizar.

 

Quais estão corretas?

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/E1GVUwOGX10IItghv+UEDMcKzGO1qUlE=
Questão 120093
FUNDATEC 2017 PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS-PR Microsoft Word 2010, Microsoft Word, Editores de Texto

No Word 2010, caso você queira incluir colunas em seu documento, qual a guia em que se encontra essa opção?

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX196ew319UeUpME+WYm3vlYgPeAsso44lIU=
Questão 120059
FAURGS 2016 TJ Segurança da Informação Conceitos Gerais, Segurança da Informação

Permitir que um programa receba dados da Internet, sem iniciar uma conexão, através da liberação de portas específicas dos protocolos de transporte, corresponde à ação de

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+B2B3rQ77g+bncxCNLVqW1m24EfnCsImo=
Questão 120114
FUNDATEC 2017 GHC Windows 7, Windows, Sistemas Operacionais

Para desligar o computador (por término normal), utilizando o Sistema Operacional Microsoft Windows 7 Professional (configuração padrão), o usuário faz uso da Tecla . Onde essa Tecla fica localizada?

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/KpK1rrveB73sgUDCFze0OnSDMIsdQYos=
ADMINISTRAÇÃO GERAL
Questão 122370
CESPE 2018 TCE Ferramentas da Qualidade, PDCA, Controle, Processo Organizacional, Gestão da Qualidade

O método gerencial de tomada de decisão denominado ciclo PDCA — do inglês plan, do, check, act — constitui elemento basilar do sistema de gerenciamento pela qualidade nos processos. De acordo com essa perspectiva, coletar dados e definir metas são atividades a serem realizadas, respectivamente, nas fases de

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX189C8odL6REgQmh5u50ANXHa/p+pVi0jGw=
Questão 113275
ESAF 2016 ANAC Fundamentos e Histórico da Qualidade, Gestão da Qualidade

Desempenho, características, confiabilidade, utilidade, durabilidade, aparência, atendimento ao cliente e segurança são

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+2fI6LfbClMEhBMU6RJF0BLVpWPZWhKwk=
MATEMÁTICA FINANCEIRA
Questão 110884
CESPE 2016 FUNPRESP-EXE Juros Simples

Acerca de juros simples e compostos, julgue os itens seguintes.

Se um capital de R$ 500 for aplicado à taxa de juros simples de 5% ao mês, ao final de nove meses será gerado um montante superior a R$ 700. 

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX18EPBjgztzviciD95cpejA7cCxrnuWOARI=
GESTÃO DE MATERIAIS/ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS
Questão 81779
CESPE 2008 PREFEITURA MUNICIPAL DE VILA VELHA-ES Conceitos Básicos de Estoque, Gestão de Estoques

Julgue o item a seguir, que trata da administração de materiais.

O estoque de segurança é o nível máximo de armazenagem de um produto sem que haja risco de depreciação.

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX19YoYfo2D8O1mVgZqokhCdynawdEniQWEE=
CONTABILIDADE
Questão 160810
CONSULPLAN 2019 Pref Sabará Conceito, Campo, Objeto, Funções e Finalidade da Contabilidade, Aspectos Introdutórios

Uma empresa registra $ 1.200 de bens, $ 550 de direitos e $ 800 de

obrigações. O Patrimônio Líquido dessa empresa é de:


Balanço Patrimonial

Ativo                  Passivo

                                              Patrimonio liquido

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1/nw2FHjtY+T/+RnTh9xf1Z2H2jr4DA/L8=
Questão 160805
VUNESP 2019 CMJ Conceito, Campo, Objeto, Funções e Finalidade da Contabilidade, Aspectos Introdutórios

As demonstrações contábeis obrigatórias atendem, como regra

geral:

Encontrou erro na questão?
U2FsdGVkX1+icyArbKDUmXOurHYiRbO2omxXm7MpTEo=